22 de agosto de 2023

Veja de onde veio a inspiração para esses filmes e séries #4

Inspiração para criar algo único e popular é tudo o que um escritor precisa, mas será que ele é único mesmo? Afinal a inspiração pode vir de vários lugares diferentes, seja de um livro, de uma ideia que você teve no chuveiro ou até de algo que já foi feito antes. Veja agora mesmo de onde veio a inspiração para mais alguns filmes e séries que você já deve ter assistido ou pelo menos ouvido falar.

O filme Top Gun - Ases Indomáveis foi na verdade inspirado por um artigo de uma revista intitulado "Top Guns", escrito por Ehud Yonay, da edição de maio de 1983 da revista California, que apresentava fotografias aéreas do então tenente-comandante Charles "Heater" Heatley. O artigo detalhava a vida dos pilotos de caça na Estação Aérea Naval Miramar, em San Diego, auto apelidada de "Fightertown USA".

O filme Predator é um clássico, e sua ideia veio de outro clássico, Rocky Balboa. Após o sucesso do quarto filme do boxeador uma piada circulou em Hollywood dizendo que Rocky Balboa tinha ficado sem adversários terrestres, ele teria então que lutar contra um alienígena se um quinto filme fosse feito.
Os roteiristas Jim e John Thomas se inspiraram nessa piada recorrente e escreveram um roteiro baseado nela, ou pelo menos é isso o que as pessoas dizem, os irmãos negaram que esse fosse o caso, dizendo que o filme na verdade foi baseado no livro Heart Of Darkness de 1899 e nos contos de fadas dos irmãos Grimm, que orginalmente eram bem violentos.
De qualquer jeito o roteiro de Thomas para Predator foi originalmente intitulado Hunter, e o conceito original, centrado em um enredo de "o que é ser caçado", era sobre um bando de caçadores alienígenas de várias espécies diferentes em busca de vários alvos. Esse conceito acabou sendo simplificado para um extraterrestre caçando as espécies mais perigosas da galáxia, os humanos, e o "homem mais perigoso", um soldado de combate. O cenário foi escolhido como América Central por ela ter constantes operações de forças especiais durante esse período.

Já a inspiração para Alien, acredite ou não, veio de um filme de comédia. Enquanto estudava cinema na University of Southern California, Dan O'Bannon fez um filme de comédia de ficção científica chamado Dark Star, com o diretor John Carpenter e o artista conceitual Ron Cobb. O filme apresentava um alienígena que tinha sido criado pintando uma bola de praia com spray e adicionando "garras" de borracha nela. A experiência deixou O'Bannon "realmente querendo fazer um alienígena que parecesse real". Anos depois ele reescreveu o roteiro para ser um filme de terror, e assim nasceu o Oitavo Passageiro.

A série Young Sheldon conta a história da infância de Sheldon Cooper, que era um personagem da série de comédia The Big Bang Theory, mesmo assim foi outra série de comédia que inspirou a criação do jovem gênio.
Malcolm in the Middle, lançada no ano 2000, mostrava a infância de Malcolm, um pré-adolescente com QI de gênio tentando sobreviver em uma família grande e disfuncional. Parece familiar? Deveria, tanto que a série do Sheldon foi descrita por seus produtores como "uma comédia familiar de câmera única do estilo de Malcolm in the Middle".

Taika Waititi teve a ideia de Jojo Rabbit (2019) em 2010, quando sua mãe, Robin Cohen, o apresentou ao romance "Caging Skies", da autora Christine Leunens, de 2008. Entediado com histórias genéricas da Segunda Guerra Mundial que foram contadas através das perspectivas de soldados e sobreviventes, e auxiliado pelo passado de seu avô que lutou contra os nazistas, Taika decidiu adaptar o romance com seu próprio estilo de comédia, e no fim ainda levou um Oscar por seu trabalho.

O roteiro de Kill Bill foi inspirado por filmes "grindhouse" (de baixo orçamento e violentos) que foram exibidos nos cinemas baratos dos EUA na década de 1970, incluindo filmes de artes marciais, de samurais, filmes de blaxploitation e westerns spaghetti. Além disso o longa é uma "homenagem" ao Shaw Brothers Studio, conhecido por seus filmes de artes marciais, pela inclusão do logotipo ShawScope em seus títulos de abertura e o "zoom dramático", um zoom rápido que geralmente termina em um close-up antes ou depois de lutas.

The Magnificent Seven é um filme de faroeste americano de 1960 dirigido por John Sturges. O roteiro de William Roberts é na verdade um remake do filme japonês de 1954 de Akira Kurosawa, Seven Samurai (lançado inicialmente nos Estados Unidos como The Magnificent Seven). Eles apenas trocaram os samurais por cowboys.

O famoso Godzilla foi inspirado pelos ataques nucleares que o Japão havia sofrido durante a Segunda Guerra Mundial, no filme, Godzilla simboliza o holocausto nuclear da perspectiva do Japão. O produtor Tomoyuki Tanaka afirmou que: "o tema do filme, desde o início, foi o terror da bomba. A humanidade criou a bomba, e agora a natureza iria se vingar da humanidade."
O diretor Ishirō Honda filmou o longa para espelhar os bombardeios atômicos de Hiroshima e Nagasaki, afirmando: "Se Godzilla fosse um dinossauro ou algum outro animal, ele teria sido morto por apenas uma bala de canhão. Sei o que fazer. Então, peguei as características de uma bomba atômica e apliquei-as ao Godzilla."

Psicose (1960) é baseado no romance de mesmo nome de Robert Bloch, de 1959, vagamente inspirado no caso do assassino condenado de Wisconsin e ladrão de túmulos Ed Gein. Tanto Gein, que morava a apenas 64 quilômetros de Bloch, quanto o protagonista da história, Norman Bates, eram assassinos solitários em locais rurais isolados e ambos tinham mães falecidas e dominadoras.

O escritor e diretor Christopher Nolan concebeu as ideias por trás de Tenet (2020) ao longo de vinte anos, mas começou a trabalhar no roteiro apenas em 2014. O título e o tema do filme foram inspirados pelo Quadrado Sator, uma estrutura com forma de quadrado composta por cinco palavras latinas: SATOR, AREPO, TENET, OPERA, ROTAS, que, mesmo vistas em conjunto (da esquerda para a direita ou de cima para baixo), sempre viram um palíndromo.

O filme Baby Driver, como não podia deixar de ser, foi inspirado por músicas. O diretor e escritor do longa, Edgar Wright, ouviu repetidamente a gravação de Orange (1994), o quarto álbum de estúdio de Jon Spencer Blues Explosion. A princípio, ele imaginou uma perseguição de carro em alta velocidade, que depois evoluiu para uma sequência completa em que o motorista da fuga dança "Bellbottoms" em seu carro antes da perseguição. No fim essa sequência virou um filme completo.

Dirigido por Spike Lee, BlacKkKlansman foi inspirado pela história real de Ron Stallworth, o primeiro detetive negro de Colorado Springs, Colorado, que se infiltrou na Ku Klux Klan e iniciou conversas regulares com o líder da KKK, David Duke. Ele ainda recrutou seu colega de trabalho, Flip Zimmerman, para se passar por ele nas reuniões presenciais. Porém, na vida real seu colega de trabalho não era judeu igual mostra o filme, e sua investigação ocorreu entre 1978 e 1979, já o filme é ambientado em 1972.

À Procura da Felicidade com Will Smith foi baseado na história real de Chris Gardner, um pai sem-teto que criou seu filho enquanto aspirava ser um corretor da bolsa.
Gardner percebeu que sua história tinha potencial para ser um filme de Hollywood depois de uma grande resposta nacional a uma entrevista que ele deu ao programa "20/20" em janeiro de 2003. Ele então publicou sua autobiografia em 23 de maio de 2006, e mais tarde se tornou um produtor associado ao filme.
Mas é bom saber que o longa tomou algumas liberdades com a história da vida de Gardner, certos detalhes e eventos que realmente ocorreram ao longo de vários anos foram compactados em um tempo relativamente curto. No final, Chris Gardner teve até uma breve participação especial sem créditos no filme.

Julie & Julia, uma comédia de 2009 estrelada por Amy Adams e Meryl Streep, foi inteiramente baseada no blog diário de Julie Powell, onde ela documentou sua tentativa de recriar cada uma das receitas de Julia Child de seu livro de receitas "Mastering The Art Of French Cooking", todas as 524 delas, provando no processo que Hollywood realmente vê potencial em tudo.

O filme Django Unchained de 2012 foi na verdade baseado no filme Django de 1966 do diretor Sergio Corbucci, o interessante é que esse filme na verdade foi inspirado por outro western, A Fistful of Dollars
do diretor Sergio Leone, e ainda mais interessante é que ambos esses filmes são então um remake com cowboys do filme de Akira Kurosawa, Yojimbo (1961), o que resultou em um processo bem sucedido pela Toho, produtora de Yojimbo.

Não deixem de visitar nossa página oficial clicando aqui agora mesmo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário