quarta-feira, 25 de janeiro de 2023

Diablo Immortal é investigado por venda de item dentro do jogo

Diablo Immortal é o jogo mais polêmico da série devido a sua monetização agressiva, onde jogadores só podem realmente subir de nível depois de gastar muito dinheiro de verdade, o que lhe rendeu a nota de 0.3 de 10 no Metacritic para PC, mas agora o game se envolveu em uma nova polêmica, uma firma de advogados está investigando a Blizzard Entertainment por suposta "alteração de informações a respeito de um dos item vendido via microtransação".
O item em questão é a gema "Blessing of the Worthy". Segundo a firma de advogados Migliaccio & Rathod LLP, a descrição e efeitos do item foram modificados após o lançamento do game, e como ele é comprado com dinheiro de verdade em pacotes de 100 dólares, isso significa que a empresa é culpada de um crime na vida real.
"Em vez de oferecer reembolsos ou alguma forma de compensação, a Blizzard respondeu à comunidade que irá alterar a descrição do texto do item para refletir o seu efeito real. Esta prática equivale essencialmente a um engodo, uma vez que um item comprável foi anunciado com um efeito que os jogadores queriam e acabou por ter algo completamente diferente oferecido no lugar." Disseram os advogados.
Segundo o site IGN, a gema deveria conceder uma taxa de 20% de chance de infligir 12% da vida máxima do usuário em dano nos inimigos, mas o dano infligido pelo item corresponde a 12% da vida atual dos jogadores. Ou seja, em palavras mais simples, o objeto se torna menos eficaz a medida que o personagem acaba tomando dano e a barra de vida vai baixando, o que não é o que os fãs queriam ou pagaram pra receber.

Nenhum comentário:

Postar um comentário