segunda-feira, 20 de setembro de 2021

China quer que jogos eliminem personagens "afeminados" de games

Pois é, a China primeiro decidiu proibir que crianças jogassem após o toque de recolher, o que devido ao grande problema que é o vício em games no país foi visto como uma boa notícia, mas agora aparentemente eles querem que empresas de games eliminem personagem capazes de serem "geradores de afeminação" em adolescentes.
Segundo o IGN as autoridades reuniram-se com grandes empresas chinesas de videogame, como a Tencent e a NetEase, para discutir as restrições da indústria, como a já ordenada limitação do tempo de jogos das crianças para apenas três horas semanais após ás 8 da noite. Empresas que se recusarem a retirar os personagens serão punidas, mas qual a punição nós ainda não sabemos.
A nova regra foi feita para agradar os membros mais "velha guarda" da politica chinesa, que veem os personagens afeminados como algo que pode destruir o meio de vida típico chinês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário