quinta-feira, 17 de setembro de 2020

Curiosidades sobre animes e mangás que você não conhecia

Por aqui nós já mostramos curiosidades sobre tudo, tudo mesmo, exceto sobre animes (animações japonesas) e mangás, mas isso vai mudar agora, afinal essa forma de entretenimento é muito, mas muito popular ao redor do mundo. Então pare de perder tempo e veja algumas das melhores curiosidades nessa matéria a seguir.

O único motivo dos personagens de Dragon Ball ficarem loiros ao se transformarem em Super Sayajins é que seu criador, Akira Toriyama, era meio preguiçoso.
Durante uma aparição no programa de variedades Nonstop da emissora japonesa Fuji TV, o editor do mangá de Dragon Ball, Hiroyuki Nakano, explicou que a escolha da cor do cabelo loiro nasceu por pura conveniência.
"É muito trabalho colorir o cabelo de Goku de preto. Mas Toriyama pode retratar cabelos loiros apenas deixando os cabelos de Goku sem cor, já que o mangá é publicado em preto e branco".
Em outras palavras eles são loiros porque Toriyama deixava os cabelos brancos no mangá, para não ter de pinta-los.

Originalmente em One Piece o personagem Sanji deveria se chamar Naruto, mas por motivos óbvios o nome teve de ser trocado.

E falando em Naruto, originalmente o mangá seria muito diferente, o personagem tinha o poder de se transformar em uma pequena raposa com nove caudas, e ele não iria querer ser um ninja, mas sim um chef.

E originalmente o personagem órfão nunca iria se reencontrar com seus pais, mas seu criador mudou de ideia quando teve seus próprios filhos.

Similarmente a Dragon Ball o personagem Naruto também passou por uma modificação devido a preguiça, seus óculos pararam de ser usados pelo personagem porque eles eram difíceis de serem desenhados e tomavam muito tempo do artista.

O personagem Saitama de One-Punch Man se chama assim porque esse era o nome da província onde seu criador morava, já a sua aparência, como já dissemos nessa matéria aqui, foi inspirada no personagem infantil Anpanman, que é um dos mais populares animes infantis do Japão.

E falando em animes populares, o maior anime de todos os tempos é Sazae-san, pelo menos em número de episódios. A série estreou em 1969 e está no ar até hoje, já foram mais de 7,700 episódios no total. Pelo lado bom cada capítulo tem apenas 7 a 10 minutos, então assistir a série não vai ocupar muito do seu tempo, apenas uns 150 dias de sua vida.

Já o mangá mais bem sucedido do mundo é One Piece, o Guinness Book of World Records reconheceu a série como tendo o "maior número de cópias publicadas para a mesma série de quadrinhos por um único autor" em 2014. Na época do reconhecimento One Piece havia vendido 320.866.000 unidades entre dezembro de 1997 e dezembro de 2014. Até o momento, as vendas de mangá agora ultrapassam mais de 416 milhões de cópias em todo o mundo.

E ironicamente, o mangá foi feito para durar apenas 5 anos no máximo. Lançado em 1997 o plano era que o capítulo final fosse publicado em 2002, mas como todos sabemos não foi assim.
O trabalho da vida de Eiichiro Oda levou a um estilo de vida muito exigente. De acordo com o próprio Oda "...de manhã... acordo às 5 da manhã e trabalho até às 2 da manhã. É normal que eu durma das 2 da manhã às 5 da manhã". Ele também não tira férias e nem celebra feriados.

O mangá Bleach recebeu esse nome, que significa algo como "Alvejante" devido a cor branca. Originalmente a série se chamaria "Black" em referência a cor negra das roupas dos personagens, mas o nome era muito clichê, então o autor mudou para "White", um nome que ele também detestou, ele então chamou a série de "alvejante", já que isso tinha a ver com a cor branca, mas sem ser genérico.

Ninguém realmente sabe como a escritora do aclamado Fullmetal Alchemist, Hiromu Arakawa, se parece hoje em dia. Ela nunca realmente posa para fotos, e quando posa ela contrata outras mulheres para aparecer no lugar dela. Hoje em dia nem os fãs mais devotos sabem como ela se parece.

Muita pesquisa foi feita para fazer o mangá de Fullmetal, a autora chegou a entrevistar sobreviventes da Segunda Guerra Mundial, e até a comprar armas do período na hora de criar sua obra mais famosa.

Diz-se que o mangá se originou de pergaminhos que datam dos séculos XII e XIII. Durante o período Edo (1603-1867), outro livro de desenhos, Toba Ehon, incorporou o conceito de mangá. 
A palavra entrou em uso comum no final do século XVIII, com a publicação de obras como o livro de figuras de Santō Kyōden, Shiji no yukikai (1798).


Já o primeiro anime foi feito em 1907. Conhecido como Katsudō Shashin, o desenho mostra um menino em um traje de marinheiro desenhando os personagens do curta. O filme foi encontrado pela primeira vez em 2005, ele consiste em cinquenta quadros gravados diretamente em uma tira de celuloide. 

Death Note é um dos mangás e animes mais populares do mundo, e ele foi feito sem que seu criador e seu desenhista sequer se conhecessem cara a cara. Ambos usavam o editor da revista para passar mensagens um para o outro, eles só se conheceram brevemente em 2004, e depois voltaram a não se falar.

E ainda em Death Note, originalmente o personagem Ryuk iria ser muito diferente, ele iria ser bonitão, mas com uma pele retalhada. O grande problema foi que o escritor do mangá achou que se ele fosse bonitão o personagem iria roubar o foco da história, por isso sua aparência ficou do jeito que conhecemos hoje.

Eucliwood Helluzjahe, uma personagem de Kore wa Zombie Desu ka, foi dublada por 22 dubladores diferentes, um verdadeiro recorde. Ela nunca realmente falou no anime e costumava escrever seus pensamentos em um bloco de notas para se comunicar, no entanto, haviam pequenos segmentos de fantasia dela falando espalhados por todo o anime. Cada um desses segmentos foi dublado por uma pessoa diferente.

Embora animes sejam um sucesso no Japão, na China é outra história, várias obras populares como Death Note, Sword Art Online, Assassination Classroom, Tokyo Ghoul, Black Butler e Attack on Titan são proibidos na China, pois incluem cenas que são "contra a moral pública e promovem ideologias socialmente inaceitáveis ​​entre os observadores".

Alguns Titãs de Attack on Titan são musculosos e atléticos, na verdade seu criador, Hajime Isayama, usou lutadores de verdade como inspiração na hora de criar eles. O protagonista principal, Eren Yeager, foi inspirada no artista marcial Yushin Okami, que competiu em organizações como o UFC e o Pride FC. Isayama também usou o lutador profissional e o artista marcial Brock Lesnar como inspiração ao projetar o Titan Blindado.

E por último, o que seria dos animes sem suas famosas e icônicas aberturas não é mesmo? E eles levam elas muito a sério no Japão, segundo algumas fontes, lá de 80 a 85% das músicas que eles ouvem são músicas de animes.

Se você curtiu a matéria, venha curtir a nossa página no facebook, e depois de curtir ative as nossas notificações também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário