segunda-feira, 27 de julho de 2020

Veja onde veio a inspiração para esses filmes e séries

Inspiração para criar algo é tudo que um artista precisa, e ela pode vir de vários lugares diferentes, seja de um livro, de uma ideia que você teve no chuveiro ou até de algo que já foi feito antes. Veja agora mesmo de onde veio a inspiração para alguns filmes e séries que você já deve ter assistido ou apenas ouvido falar.


Jogos Vorazes ("Hunger Games" no original) foi uma série de filmes para adolescentes que fez um sucesso considerável, e esses filmes foram todos baseados em uma saga de livros da escritora americana Suzanne Collins, livros esses que já venderam mais de 85 milhões de cópias. Mas, enquanto os filmes tiveram uma inspiração óbvia, são os livros que tem uma história interessante por trás de sua criação.
Jogos Vorazes mostra um mundo apocalíptico onde crianças tem de lutar até a morte para o entretenimento dos mais ricos, mas de onde veio essa ideia milionária? Da televisão é claro. Collins criou os Jogos Vorazes depois de ficar passando de um canal pra outro enquanto estava entediada, em um canal ela viu um reality show, e no outro, imagens da invasão do Iraque, ela então decidiu misturar os dois e fazer um livro sobre uma guerra que servia de reality show.


Forrest Gump é um clássico do cinema, e ele foi inspirado por um livro de mesmo nome lançado em 1986 escrito por Winston Groom. 
Mas o filme e o livro tem várias diferenças, mais notavelmente o fato de que nos livros Forrest tinha 1,98 metros de altura e pesava 110 Kg aos 16 anos de idade, bem diferente do tipo físico do ator Tom Hanks. O final do filme também é diferente, nele vemos Forrest observando seu filho indo para a escola, enquanto no livro ele acaba como um mendigo, dormindo em bancos de rua e sem nenhum tostão em seu nome.
Os livros foram na verdade inspirados em várias histórias reais diferentes, que foram juntadas em uma narrativa só. Por exemplo, a cena da maratona de Gump foi inspirada em um evento real, em 1982 Louis Michael Figueroa, de apenas 16 anos, correu de Nova Jersey a São Francisco para a American Cancer Society. Já o padrão de fala de Gump foi inspirado no amigo do autor Jimbo Meador, que quando perguntado se o livro era inspirado nele disse: "Eu acho. Tudo menos a parte idiota". Assim como Gump, Jimbo trabalhou com frutos do mar. 


Stranger Things é um dos maiores sucessos da história da Netflix, com uma temática sobrenatural focada na nostalgia a série faz referencias a vários clássicos dos anos 70 e 80, mas nenhum deles inspirou a série. Eleven e seus amigos foram baseados no Projeto Montauk, que teria sido uma série de projetos secretos do governo dos Estados Unidos realizado em Montauk, Long Island, com a finalidade de "desenvolver técnicas de guerra psicológica e investigações exóticas, incluindo a viagem no tempo e a viagem no hiperespaço". Neste projeto super-secreto teriam sido usadas várias pessoas como cobaias, mas devido à falta de evidências para apoiar essas alegações, os críticos argumentam que o Projeto Montauk é uma teoria da conspiração ou apenas uma lenda urbana.
Além disso é possível que os criadores da série tenham se inspirado no curta metragem Montauk, do diretor Charlie Kessler, tanto que a série originalmente também se chamaria Montauk e não Stranger Things. Isso rendeu um processo por plágio aos criadores da série.


The Warriors (Os Selvagens da Noite no Brasil) é um filme cult de 1979, dirigido por Walter Hill, e o diretor nunca tentou esconder de onde veio sua inspiração, o filme foi baseado no livro de 1965 The Warriors, escrito pelo autor Sol Yurick.
O livro e o filme porém não são muito parecidos, por exemplo, a gangue The Warriors nem existe no livro, cujos personagens principais são os Dominators, os personagens do filme também não existem no livro, apenas a história principal sobre uma reunião entre as maiores gangues do país foi reaproveitada.
Mas, interessantemente, o livro de Yurick também não era tão original assim, ele foi inspirado por Anabasis, um livro do soldado grego Xenophon, que conta a história de um grupo de mercenários que ficam presos atrás das linhas inimigas e tem de voltar para casa, igual a gangue principal do livro e do filme.


Doug era uma série de televisão americana criada por Jim Jinkins. O programa se concentrava no início da vida adolescente de seu personagem-título, Douglas "Doug" Funnie. o que pouca gente sabe é que a animação era na verdade inspirada pela vida do próprio Jinkins, e muitos de seus personagens existiram de verdade. Originalmente a série iria ser um livro biográfico do autor, mas as editoras não queriam publicar ele, a Nickelodeon então comprou os direitos da história e a transformou em um desenho animado de sucesso. 


O Show de Truman, estrelando Jim Carrey, foi na verdade adaptado do roteiro de O Show de Malcolm, escrito por Andrew Niccol. Esse roteiro original se passava em Nova York e de comédia não tinha nada, ele era uma história séria com tons de ficção científica. 
No outono de 1993 o produtor Scott Rudin comprou o roteiro por pouco mais de US$ 1 milhão e a Paramount Pictures concordou em distribuir o longa. Parte do acordo exigia que Niccol dirigisse o filme, afinal ele era o autor da história, mas a Paramount não queria gastar tanto dinheiro com ele (o filme custaria US$80 milhões de dólares na época), além disso, a Paramount queria um diretor famoso para chamar a atenção das pessoas, eles então pagaram a Niccol um "dinheiro extra para se afastar". Os diretores que foram considerados incluíam Tim Burton, Terry Gilliam, Barry Sonnenfeld e Steven Spielberg antes de Peter Weir assinar um contrato no início de 1995. Mas Weir queria que o filme fosse mais engraçado, sentindo que o roteiro de Niccol era "muito sombrio". Niccol então escreveu dezesseis rascunhos diferentes do roteiro antes de Weir considerar ele pronto para filmar. Em 1995 Jim Carrey assinou contrato para estrelar o longa, mas por causa de compromissos com outros filmes ele não estaria pronto para começar a gravar por pelo menos mais um ano. Weir achou que Carrey era perfeito para o papel e optou por esperar mais um ano em vez de contratar outro ator.


Feitiço do Tempo ("Groundhog Day" no original) é um filme sobre um homem que fica preso no mesmo dia de sua vida, tendo de refazer as mesmas coisas dia após dia até ele enlouquecer. O longa é uma mistura de fantasia com comédia, mas originalmente ele iria ser bem diferente.
A grande inspiração por trás do filme veio de um lugar bem inesperado, vampiros! O criador do filme teve a ideia central do roteiro enquanto estava sentado em uma sala de cinema, ele se perguntou: "Se uma pessoa pudesse viver para sempre, se ela fosse imortal, como eles mudariam ao longo do tempo?". A ideia original do filme era que o personagem fosse imortal e que o mundo mudasse ao seu redor, mas isso seria muito complicado para filmar. Em vez disso o filme virou sobre um homem que ficaria preso em apenas um dia, dando a eles a chance de economizar dinheiro com cenários.


Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge foi obviamente inspirado nos quadrinhos do Homem Morcego, mas sua inspiração não veio apenas disso, o longa também foi baseado no livro "A Tale of Two Cities" de Charles Dickens lançado em 1859. Ambas as histórias contêm sociedades secretas, identidades secretas, uma mulher órfã em busca de vingança e mortes falsas. O personagem Gordon ainda cita o romance diretamente no filme. Existe até um personagem em Batman chamado Phillip Striver, assim como existe um Striver no romance de Dickens.


Antes de ser um filme O Silêncio dos Inocentes era um livro, e o livro de 1981 era baseado em fatos reais, ou quase isso. O relacionamento entre Clarice Starling e Hannibal Lecter no filme e livro foi inspirado no relacionamento da vida real que o detetive Robert D. Keppel teve com alguns assassinos em série, incluindo Ted Bundy e Gary Ridgeway. Keppel e Bundy trocaram várias cartas enquanto Bundy estava na prisão e Keppel até conseguiu que ele confessasse mais crimes.


Nacho Libre, estrelando Jack Black, conta a história de um homem que começa a lutar apenas para pagar as contas de um orfanato, parece uma comédia sem pé nem cabeça, mas como já mostramos nessa matéria aqui, ela foi baseada em fatos reais. 
O longa é baseado na história de Fray Tormenta, também conhecido como Rev. Sergio Gutiérrez Benítez, um padre católico mexicano da vida real que teve uma carreira de 23 anos como luchador mascarado, seu objetivo sempre foi lutar para pagar as contas de seu orfanato. O padre nunca contou a ninguém quem ele era por de baixo da máscara, ele temia que ninguém levasse ele a série se descobrissem que ele era um padre tentando alimentar órfãos.

Matrix foi um filme revolucionário, mas ele não era tão original assim, sua inspiração veio dos animes asiáticos, mais especificamente Ghost in the Shell. Na verdade os criadores do filme, na hora de tentarem vender a ideia deles, apenas mostraram um vídeo de Ghost in the Shell para o produtor Joel Silver e disseram que eles queriam fazer aquilo, mas com atores de verdade.


Enquanto vários filmes se inspiram em livros, a saga Velozes e Furiosos foi inspirada por um simples artigo da revista Vibe, chamado "Racer X", escrito em 1998 por Kenneth Lee. O artigo falava sobre corridas ilegais nas ruas de Nova York. Esse simples artigo inspirou toda a saga bilionária.


Similarmente a série de filmes Piratas do Caribe foi inspirada em algo peculiar, os filmes vieram de um brinquedo do parque temático Disney World, na verdade entre a criação do brinquedo e o primeiro filme já haviam se passado 35 anos.


O filme De Volta para o Futuro foi inspirado por uma simples pergunta: "Se eu tivesse ido para a escola junto com meu pai, será que eu teria sido amigo dele?". Essa foi a pergunta que o escritor Bob Gale se fez ao visitar seus pais nos anos 80 e encontrar o Anuário de seu pai.


A série Perdidos no Espaço foi baseada na série de mesmo nome do ano de 1965, o curioso é que a série original foi inspirada por um livro chamado A Família Suíça Robinson, escrito em 1812 por Johann Wyss.
No livro, ao invés da família ficar perdida no espaço, eles ficam perdidos em uma ilha tropical, usando sua inteligência e criatividade eles conseguem sobreviver na ilha por 10 anos. No fim eles são resgatados por um navio britânico, mas alguns membros da família preferem continuar vivendo na ilha. O livro foi criado por Wyss para ensinar seus filhos sobre valores familiares, boa educação, os usos do mundo natural e a auto-suficiência.


Breaking Bad foi uma das séries mais aclamadas do mundo, mas sua criação veio de outra série famosa, The X-Files (Arquivo X no Brasil). Enquanto trabalhava na série de ficção cientifica o escritor Vince Gilligan teve uma ideia, ele queria fazer uma série onde o mocinho se transformaria no vilão. Já o tema central da série, sobre um professor que começa a vender drogas em um trailer para pagar suas contas, veio de uma piada feita por Gilligan enquanto ele conversava com seu amigo, o também escritor Thomas Schnauz, ambos estavam desempregados na época, então Gilligan disse brincando que eles deveriam criar um "laboratório de metanfetamina na parte traseira de um trailer e [dirigir] pelo país cozinhando metanfetamina e ganhando dinheiro". Dessa piada surgiu uma das melhores séries já feitas de acordo com críticos.

Real World Fatos também está no facebook, curta nossa página agora mesmo para ver mais matérias incríveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário