sexta-feira, 10 de julho de 2020

Curiosidades sobre as Tartarugas Ninja

Leonardo, Rafael, Donatello e Michelangelo, elas são provavelmente as tartarugas mais famosas do mundo, e mesmo assim tem muita coisa que até os fãs mais acirrados delas não conhecem. 
Veja agora as melhores curiosidades sobre as Tartarugas Mutantes Ninjas Adolescentes.

A primeira coisa que você deve saber é que elas foram criadas por puro acidente! Kevin Eastman e Peter Laird são os "pais" das Tartarugas Ninja, os dois eram amantes dos quadrinhos que se davam super-bem e que queriam fazer sua própria HQ. Eles acabaram criando uma revista sobre um robozinho chamado Fugitoid, mas infelizmente para os garotos ninguém parecia gostar de suas obras.


Depois de falharem em conseguir distribuir sua revista, Peter e Kevin estavam assistindo televisão quando Kevin decidiu tentar animar seu amigo, para fazer isso ele começou a desenhar um bando de coisas bestas e sem sentido, um desses desenhos era o de uma tartaruga com uma bandana e armas ninja. Peter se divertiu com a ideia e desenhou sua própria versão da tartaruga. Depois eles desenharam mais tartarugas, afinal, se tinha uma por que não ter um grupo? Os dois pararam para olhar o desenho e perceberam que tinha uma ideia ali, foi assim que as Tartarugas Ninjas nasceram.

Mas depois disso as coisas não foram tão fáceis quanto você provavelmente pensa. Primeiro, ninguém estava realmente querendo publicar as revistas da dupla, por isso eles resolveram que iriam publicar elas eles mesmos, para isso fundaram o selo de quadrinhos Mirage Comics (Revistas Miragem). 
O nome era uma piada porque o selo não existia de verdade, a "companhia" de quadrinhos dos dois se resumia a eles mesmos, na casa de um deles, desenhando e escrevendo sozinhos, por isso o nome Miragem, já que tudo era falso.

E segundo, eles não tinham dinheiro. Publicar várias cópias de uma revista pode custar milhares de dólares, e eles estavam praticamente quebrados, mas o destino sorriu para eles. Um dia eles receberam dinheiro devido a um reembolso do imposto de renda, mas infelizmente a grana não era o suficiente, então eles pediram um empréstimo para o tio de Kevin.
E assim em 1983 a primeira revista das Tartarugas Ninja (e mais 3.000 cópias) foi publicada oficialmente, e ela acabou sendo um sucesso com o público alvo. A ideia era escrever apenas uma revista, mas o sucesso foi tanto que ela virou uma série inteira.


Mas essas tartarugas não eram as que você conhece hoje, elas eram bem mais adultas. Violência era uma grande parte das HQ's, elas cortavam, decapitavam e matavam seus inimigos sem dó, tanto que seu grande vilão Destruidor foi morto logo no começo, deixando seus criadores sem ideias de para onde a história deveria ir. 
E como a revista era em preto e branco as Tartarugas não tinham suas icônicas máscaras coloridas, já que, obviamente, isso não iria fazer nenhuma diferença. Todas elas usavam vermelho e tinham praticamente a mesma personalidade.

E já se perguntou por que essas tartarugas foram nomeadas em homenagem a artistas renascentistas? Na hora de escolher um nome Eastman e Laird primeiro consideraram nomes asiáticos, porque as Tartarugas eram ninjas e ninjas são da Ásia certo? Mas isso não parecia bobo o suficiente para eles.
Bom, acontece que ambos os criadores eram fãs da história da arte, e um deles deu a ideia de nomear seus heróis em homenagem a famosos artistas renascentistas. Assim nasceram Rafael, Leonardo, Michelangelo e... Bernini? No entanto Laird queria outro nome que terminasse em "o", então ele mudou Bernini para Donatello.

Leonardo foi nomeado em homenagem a Leonardo di ser Piero da Vinci, o pintor da Mona Lisa que fazia um pouco de tudo. 
Rafael é uma homenagem a Raffaello Sanzio da Urbino, um pintor e arquiteto. 
Michelangelo foi uma homenagem a Michelangelo di Lodovico Buonarroti Simoni, um pintor, escultor, poeta e arquiteto. Mas curiosamente seu nome foi escrito como "Michaelangelo" por um bom tempo graças a um erro de seus criadores.
E Donatello vem de Donato di Niccolò di Betto Bardi, um escultor famoso.


Embora Kevin e Peter tivessem uma boa imaginação, na hora de escrever as histórias das tartarugas foi outra história. Se você leu essa matéria aqui (e recomendo que leia se for fã desses répteis), você já sabe que eles se... ah... "inspiraram" em outros heróis na hora de escrever as revistas deles.
Como já escrevemos uma matéria inteira sobre esse assunto não vamos falar tudo de novo, mas basicamente a origem das Tartarugas, seu mestre Splinter e até seus inimigos, o Clã do Pé, são cópias das revistas do Demolidor.
Até seu nome em inglês é uma paródia das revistas famosas da época, "Mutant" é porque os X-Men eram mutantes, e "Teenage" vem do fato da Marvel e DC lançarem equipes formadas por adolescentes como os Jovens Titãs e os Novos Mutantes.
Além disso o mangá Ronin e a revista popular Cerebus também serviram de inspiração para a série.

Mas agora você deve estar pensando: como as Tartarugas foram de máquinas assassinas impiedosas que parodiavam outros heróis, para aquela coisa mais comédia que você se lembra da sua infância? A resposta é: brinquedos! Mas antes de falarmos disso temos que falar sobre uma pessoa importante para as Tartarugas Ninja, Mark Freedman, porque sem ele as Tartarugas provavelmente nem existiriam hoje em dia.
Freedman era um agente de licenciamento, ou pelo menos ele gostava de pensar que era. Nos anos 80 as tartarugas estavam indo bem com os fãs de quadrinhos, mas apenas com os fãs de quadrinhos. Se você não fosse parte desse circulo social na época você nem saberia quem eram Leonardo e companhia. Mas Freedman iria mudar isso, ele sabia do sucesso inicial das revistas e foi falar com Peter e Kevin sobre novas oportunidades de negócios, sua ideia era fazer brinquedos das Tartarugas para ganhar um dinheiro fácil. A dupla de criadores concordou, desde que eles tivessem a palavra final, e no fim eles assinaram o contrato.
O interessante é que assim como Peter e Kevin fingiam ter seu próprio estúdio de quadrinhos, que era apenas uma miragem, Freedman também estava fingindo ser um grande agente. Antes de ir para a reunião ele alugou um terno porque ele achava que era assim que os grandes nomes do ramo se vestiam. E o contrato que eles assinaram? Foi em um guardanapo!
E assim dois artistas fingindo que eram donos de um estúdio, e um agente que fingia ser um grande nome acabaram fazendo milhões de dólares juntos.


Agora sim vamos falar dos brinquedos, foram eles que mudaram completamente as tartarugas para sempre. Freedman levou um boneco gigante de pano de uma Tartaruga Ninja para fábricas de brinquedos, mas todas elas riram da cara dele. Ou elas achavam aquilo muito idiota, ou muito violento para vender para crianças. Sem opções Freedman ligou para um amigo seu na Playmates Toys e finalmente conseguiu um contrato, com a condição de que um desenho fosse feito sobre o produto para ajudar a vender os brinquedos. Mas antes mudanças tinham de ser feitas.
A primeira coisa que eles notaram é que as tartarugas tinham todas bandanas vermelhas e a mesma personalidade, mas isso não iria ajudar a vender brinquedos. Eles então deram uma cor diferente para cada uma delas e também uma nova personalidade. Além de reformular seus vilões e criarem novos.
Os vilões foram de ninjas para robôs, assim as tartarugas podiam matar eles sem dó, e ao invés de gritar coisas como "Droga!", eles falavam coisas infantis como "Cowabanga!"


Além disso originalmente as Tartarugas das HQ's tinham um rabo, mas na hora de fazer brinquedos com rabos eles perceberam que ele se parecia muito com um pênis de certos ângulos. Resultado: as Tartarugas perderam seu rabo.


Quem não ficou feliz com todas essas mudanças foram seus criadores, eles não gostaram de ver sua série de ação virar uma série infantil. Mas o dinheiro falou mais alto e eles permitiram as mudanças. Mas isso não quer dizer que eles estavam felizes, até hoje eles dizem estar arrependidos de certas escolhas.
A ideia era que Peter e Kevin continuassem a fazer quadrinhos violentos enquanto os brinquedos eram produzidos, mas isso não deu tão certo. As revistas foram publicadas até 2014 mas o nível de violência diminuiu um pouco.


Na verdade as coisas ficaram tão ruins para os criadores que Kevin decidiu que ele não queria mais nada a ver com a franquia, seu plano era vender as Tartarugas Ninja para outra pessoa, mas Peter discordou, ele não queria abandonar suas criações. 
Como resultado Peter acabou comprando as "ações" de Kevin em 2008 e virou o único dono das Tartarugas Adolescentes Ninjas. 


Mas isso também não durou muito, embora segundo Kevin seu colega tenha dito que ele nunca venderia as Tartarugas Ninja, segundo Peter ele disse que venderia sim... se o dinheiro fosse bom.
Como sempre o dólar fala mais alto e em 19 de outubro de 2009, Peter também vendeu a franquia, dessa vez para a Nickelodeon, por 60 milhões de dólares. Um dinheiro que Kevin não recebeu nenhum centavo.
Mesmo tendo vendido suas criações Peter, porém, fez um acordo com a Nick, eles podem fazer o que quiserem com as Tartarugas, mas Peter tem o direito de fazer revistas em quadrinhos com ela, o que é bom porque honestamente isso era a única coisa que ele sempre quis fazer.


Assim como aconteceu com He-Man o único motivo do desenho da Tartarugas Ninja de 1987 existir foi para vender mais brinquedos. Mesmo assim ele foi um grande sucesso que durou quase 10 anos, até hoje ele é considerado um clássico da animação americana. 


Personagens como Bebop e Rocksteady foram criados especialmente para o show, o fato dos ninjas amarem pizza também é devido ao desenho.


A música da abertura original do desenho foi escrita por ninguém menos do que Chuck Lorre, o mesmo cara que acabou criando séries como The Big Bang Theory, Young Sheldon, Two and a Half Men e Dharma & Greg.


Assim como as Tartarugas eram originalmente cópias de outras revistas mais famosas, quando seu desenho virou um sucesso várias cópias dele foram lançadas, isso inclui: Street Sharks, Biker Mice From Mars, Samurai Pizza Cats, and Wild West C.O.W.-Boys of Moo Mesa.


No Reino Unido, devido a censura televisiva, a série não podia se chamar Tartarugas Ninja, porque ninja era uma palavra muito violenta para a época. Lá eles se chamam Tartarugas Heróis.


Freedman, o cara responsável pelos bonecos das Tartarugas, não quis ficar parado enquanto elas ficavam cada vez mais famosas, ele queria inovar e decidiu que um filme seria a resposta. E mais uma vez ele encontrou vários problemas.
Houve brigas sobre o roteiro, dificuldades sobre o uso dos trajes animatrônicos de tartarugas criados por Jim Henson (precisava de 3 pessoas para fazer cada tartaruga se mexer), e por último quase todos os grandes estúdios recusaram a oportunidade de distribuir o filme. E para completar, eles tinham apenas $13,5 milhões para gravar todo o longa.
Para piorar ainda mais quando o filme finalmente foi feito eles perceberam que ele era mais como os quadrinhos do que o desenho, com cenas de violência, tortura e um tom mais sério. Um amigo de Freedman, depois de assistir o filme, olhou para ele e disse "Bom, você realmente f*deu com isso".


No entanto o filme foi um grande sucesso! Seus ganhos de bilheteria arrecadaram quase 200 milhões de dólares no total. Isso fez de Teenage Mutant Ninja Turtles o filme independente com maior lucro de todos os tempos por muitos anos. 
O recorde da TMNT de 1990 não foi quebrado até o final da década com o Blair Witch Project de 1999.


Em 1997 a Saban, a mesma produtora responsável por trazer os Power Ranger aos E.U.A, foi a responsável por fazer a série Tartarugas Ninja: A Próxima Mutação. 
Na série as armas das Tartarugas tiveram de ser mudadas devido a censura da época, por exemplo, os nunchakus de Michellangelo viraram tonfas porque nunchakos eram proibidos em vários lugares e eles não queriam influenciar as crianças. Curiosamente, mesmo assim, as espadas e sais permaneceram na série.


Mas a maior mudança para a série foi a introdução de uma Tartaruga Ninja feminina chamada Vênus de Milo (originalmente ela se chamava Mei Pieh Chi mas ainda bem que eles mudaram). 
Vênus porém não agradou ninguém, nem os fãs e nem os criadores das revistas. A ideia era que assim como os Power Rangers tinham mulheres, as Tartarugas também deveriam ter uma para atrair garotas e vender mais brinquedos. Mas ao contrário dos Ranger, que duraram por mais de 20 temporadas, a série foi considerada tão ruim que ela foi cancelada depois de apenas 26 episódios. 
E para desagradar ainda mais os fãs a personagem não foi nomeada em homenagem a um artista, mas sim a escultura de Alexandre de Antioquia.


Embora a série tenha sido um fracasso isso não impediu que Saiban fizesse um episódio especial, nele as Tartarugas se encontram com os Power Rangers.


A personagem April O'Neil é grande parte dos quadrinhos, filmes e desenhos, mas até hoje ninguém sabe de que etnia ela é. 
Nos quadrinhos April parecia ser originalmente negra, ela tinha uma pele mais escura e cabelos encaracolados, mas alguns acham que isso só aconteceu por que os desenhistas não eram tão bons assim. Os próprios criadores da série nunca revelaram a verdade, deixando todo mundo confuso até hoje.


E o Shredder (Destruidor no Brasil), que é o maior vilão da série, foi na verdade inspirado por um ralador de queijo. Tanto que seu nome original era The Grater, ou O Ralador, mas Peter resolveu mudar o nome para Shredder, que significa Triturador.

E é isso pessoal, não deixem de visitar e curtir o nosso Facebook em Real World Fatos para mais curiosidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário