Loading...

segunda-feira, 23 de março de 2020

Veja alguns filmes e jogos que foram cancelados e você nem sabia

No mundo do entretenimento existe apenas uma coisa que importa, dinheiro, então se algo der lucro ele ganha uma sequência certo? Errado. Por vários motivos séries, filmes e jogos foram cancelados nas últimas décadas, e muitos deles você provavelmente nem fazia ideia de que estavam em desenvolvimento. 
Veja agora mesmo alguns filmes e jogos que foram cancelados e você nem sabia.

Vamos começar com Liga da Justiça - Parte 2, é isso aí, o filme lançado em 2017 era apenas a primeira parte do longa, que deveria ter ganhado uma continuação em 14 de junho de 2019. O que aconteceu é que o primeiro filme foi muito ruim, mas muito ruim mesmo, ele foi um fracasso de crítica e de bilheteria. O longa arrecadou no total US$ 657,9 milhões, para não perder dinheiro ele deveria ter feito no mínimo US$ 750 milhões. A sequência, que mostraria os heróis contra Darkseid, foi cancelada e os atores acabaram largando alguns de seus papéis.

E você se engana se pensa que esse foi o primeiro filme da Liga a ser cancelado, Justice League Mortal era um projeto do diretor George Miller (Mad Max: Fury Road) para 2008. Tudo já estava pronto, eles tinham o roteiro, o elenco já estava definido e os uniformes feitos, só que as coisas complicaram um pouco antes de começarem as gravações na Austrália e o longa acabou sendo cancelado, foram 200 milhões de dólares jogados fora.
No fim o filme nunca foi lançado, mas imagens, desenhos e até o roteiro dele acabaram vazando na internet. Se quiser saber mais sobre esse filme em particular clique aqui e leia nossa matéria exclusiva "Conheça mais sobre o filme cancelado da Liga da Justiça".

Bully 2 seria a sequência do aclamado jogo da Rockstar, dizemos seria porque embora ele tenha ficado em desenvolvimento por 18 meses o game foi simplesmente cancelado. 
Foi relatado que em algum momento entre 2010 e 2013 uma equipe da Rockstar New England chegou a trabalhar na criação do chamado Bully 2. Segundo um dos desenvolvedores, apenas uma pequena porção do jogo acabou sendo feita, com ela mostrando Jimmy Hopkins na casa do seu padrasto no final das suas férias de verão, mesmo assim o game era completamente funcional. Mas sabe-se lá porque o jogo foi cancelado.
Mas isso pode não ser definitivo, segundo membros da Rockstar é possível que o game ainda seja lançado em um futuro não tão distante, agora é esperar pra ver.

Shaun of the Dead (Todo Mundo Quase Morto) é um clássico da comédia lançado em 2004, então não é de se estranhar que ele quase tenha ganhado uma sequência. Ela se chamaria From Dusk Till Shaun, e dessa vez ao invés de zumbis os personagens principais lutariam contra vampiros.
Um dos grandes problemas que levou ao cancelamento do longa era o fato de que quase todos os personagens morreram no primeiro filme, então eles não tinham muito lugar pra ir na sequência.

Star Wars 1313 era um jogo de ação e aventura produzido pela LucasArts, que seria publicado pela Xbox Game Studios exclusivamente para Xbox One. Quando o game foi anunciado pela primeira vez os fãs foram a loucura total. Segundo matérias da época o jogo colocaria o jogador no papel de um caçador de recompensas que iria se aventurar no nível subterrâneo nº 1313 do planeta Coruscant, para descobrir a verdade sobre uma conspiração criminal. O jogo teria ainda uma temática mais adulta e realista em comparação com outros jogos de Star Wars, incluindo temas como prostituição e terrorismo. Era tudo que os fãs queriam, parecia bom demais pra ser verdade... e infelizmente era.
O que aconteceu foi que a Disney acabou comprando a marca Star Wars, mesmo assim a LucasFilm disse que o jogo iria acontecer, mas a Disney disse "pode ir tirando o cavalinho da chuva", ou algo do tipo. Em 3 de Abril de 2013 foi anunciado que a dona do Mickey, para o desespero dos fãs, encerrou a LucasArts, despediu a sua equipe, e cancelou todos os projetos, incluindo Star Wars 1313.

Caso você não se lembre, o que eu dúvido, o filme de 1982 chamado E.T.: O Extraterrestre foi um enorme sucesso, então é claro que uma sequência estava sendo desenvolvida, mas ela nunca chegaria a ver a luz do dia, e olha, isso não foi necessariamente uma coisa ruim.
O segundo longa iria se chamar E.T. II: Nocturnal Fears (Medos Noturnos em nossa língua), e seria dirigido mais uma vez por Steven Spielberg, com roteiro de Melissa Mathison. O problema é que o novo filme seria muito mais dark do que o primeiro, com Elliot e seus amigos sendo sequestrados e torturados por alienígenas carnívoros, até que E.T. salvasse eles. Ainda bem que Steven acabou desistindo da ideia antes dele começar a produzir o filme.

Curtindo a Vida Adoidado foi outro clássico dos anos 80, o filme mostrava o personagem Ferris Bueller matando aula e se envolvendo em várias confusões. A sequência do filme porém seria bem mais estranha, ela giraria em torno de um Ferris de 40 anos de idade que trabalharia como um palestrante motivacional e que está sofrendo de uma crise de meia idade. Em um esforço para recuperar sua juventude ele pediria ajuda a Cameron, que agora é seu gerente, e os dois tirariam um dia de folga do trabalho para se divertir pela última vez. 
Infelizmente o diretor John Hughes faleceu de um ataque cardíaco em 2009 antes de poder realizar sua sequência.

E falando em clássicos é claro que Forrest Gump também ia ter uma sequência. Assim como o livro em que o filme seria baseado o longa se chamaria Gump & Co, e mostraria Forrest mais uma vez imerso em eventos históricos que ocorreram na vida real, acidentalmente inventando um novo sabor de Coca-Cola e até mesmo acidentalmente destruindo o Muro de Berlin.
Um dos motivos para o longa não ter acontecido é que Tom Hanks não gostou do projeto, dizendo que ele poderia arruinar o primeiro filme, sem Hanks no acordo o filme foi cancelado sem dó.

As sequências da saga Exterminador do Futuro nunca agradaram os fãs, mas o que poucos sabem é que o filme Genesys de 2015 não teria apenas uma sequência, mas sim duas, ele seria uma nova trilogia da saga. Mas esse aqui é fácil saber o porque de nunca ter acontecido, o filme foi um fracasso em todos os sentidos, críticos não gostaram, fãs odiaram, e ele ainda perdeu cerca de 10 milhões de dólares ao estúdio. As sequências, que deveriam ser lançadas em 2017 e 2018, foram rapidamente canceladas depois disso tudo.

Considerado um dos filmes mais influentes dos últimos anos, Uma Cilada Para Roger Rabbit é creditado por criar um novo interesse por filmes animados no final dos anos 80. Após seu enorme sucesso, o híbrido de live-action com animação tinha uma sequência garantida, e mesmo assim ela nunca aconteceu.
Quem Descobriu Roger Rabbit seria o nome do filme, e ele seria na verdade uma prequel, que mostraria como o personagem principal se tornou a estrela de Toontown. No entanto, a rivalidade entre a Disney e a Amblin Entertainment atrapalhou o projeto e ainda aumentou os custos da produção. No fim as empresas nunca chegaram a um acordo e ambas cancelaram o filme.

Antes mesmo de Joel Schumacher terminar sua versão de Batman & Robin, os executivos da Warner Bros. tomaram a liberdade de dar sinal verde a uma "aventura de acompanhamento", mas quando Batman & Robin foi finalmente lançado em 1997, ele recebeu uma resposta extremamente negativa de críticos e fãs. Nesse ponto a Warner Bros. decidiu encerrar a sequência, que deveria ter sido chamada de Batman Triunfante e teria os vilões Espantalho e Harley Quinn como inimigos principais.

O que você esperaria de uma sequência do filme do ano 2000 Gladiador? Provavelmente não o título Gladiador 2: Matador de Cristo. A história do novo filme mostraria o gladiador Maximus voltando do purgatório para matar Jesus Cristo, que seria o seu próprio filho, em nome dos antigos deuses. No fim o gladiador se tornaria imortal, e o filme acabaria com uma sequência de 10 minutos mostrando ele nas maiores guerras da história humana.
O escritor chamou o roteiro de "obra de arte", mas Russel Crowe disse apenas "não gostei", matando o projeto inteiro como um verdadeiro gladiador faria.

Se tem um filme que todo mundo ouviu falar foi Casablanca, e ele também iria ter uma segunda parte, intitulada Retorno a Casablanca. 
Vários scripts foram escritos para o novo filme, mas todos acabaram sendo recusados, no fim tanto tempo já havia se passado desde o lançamento do filme original em 1942 que fazer a sequência não era mais uma das prioridades da Warner, então ele foi sendo deixado de lado até que caiu no esquecimento.

E como clássicos nunca são demais vamos falar agora do maior deles, O Poderoso Chefão, que deveria ter recebido uma quarta parte focada no sobrinho de Michael Corleone chamado Vincent. O filme mostraria como Vincent subiu ao poder da máfia nos anos 80, mas o escritor Mario Puzo achou a história fraca demais para carregar um filme inteiro, o projeto então acabou indo dormir com os peixes.

Silent Hills seria um recomeço para a aclamada saga de terror digital, ele estreou em uma demo jogável chamada P.T, e seria feito pela Konami com envolvimento do ator Norman Reedus e dos diretores Hideo Kojima e Guillermo del Toro. Mas infelizmente isso tudo não levou a nada.
Por motivos que até hoje são desconhecidos a Konami simplesmente se desligou de Kojima, eles passaram a retirar o nome dele das capas dos jogos, baniram ele de receber qualquer prêmio e até retiraram a demo do ar. Depois de tudo isso Kojima foi basicamente demitido da Konami, acabando com Silent Hills no processo... pelo menos por enquanto, já que o diretor parece confiante de que o jogo ainda pode acontecer no futuro.

A desenvolvedora de World of Warcraft, Blizzard Entertainment, eram os rei dos MMORPGs (jogos online com vários jogadores ao mesmo tempo). Surpreendentemente, porém, seu novo game de ficção científica chamado Project Titan nunca veria a luz do dia. 
O jogo teria ocorrido no futuro, onde os jogadores se juntariam a facções rivais em uma guerra subterrânea, vivendo vidas normais durante o dia e realizando guerra e espionagem à noite. O jogo teria classes de combate diferentes, incluindo algumas de não combate, destinados a construir economias realistas que seriam dirigidas pelos próprios jogadores.
O projeto porém não estava indo do jeito que a Blizzard pretendia, provavelmente por que o jogo era muito complicado de se fazer e manter. Os conceitos foram mantidos e retrabalhados no jogo de tiro Overwatch.


Antes dos jogos do Homem-Aranha e Batman serem adorados pela crítica, o Demolidor iria ganhar seu próprio jogo, chamado Daredevil: The Man Without Fear (Demolidor: O Homem Sem Medo). Ele seria um jogo de ação em terceira pessoa, com participação de outros personagens da Marvel. O personagem principal poderia pular pelos prédios da cidade e até mesmo deslizar em corrimões, ele seria lançado junto com o filme do Ben Affleck.
O grande problema nem foi o fracasso do filme, foi o processo de desenvolvimento entre a Marvel e a Sony, sem contar problemas com os motores do jogo e com os próprios empregados da empresa. No fim o game foi cancelado em segredo, mas vídeos acabaram vazando na internet e ainda podem ser encontrados no youtube.


E que lista de filmes cancelados estaria completa sem o famoso Superman Lives, que teria ninguém menos do que Nicholas Cage como o Homem de Aço. O longa era para ser o quinto filme da série do herói, mas ele foi cancelado ainda na pré-produção. 
O projeto foi iniciado em 1996, tendo a direção de Tim Burton (o mesmo de Batman e Batman: O Retorno), produção de John Peters e roteiro de Kevin Smith. O longa acabou nunca sendo realizado graças aos desacordos entre Smith, Peters e Burton, e também pela reprovação do público em geral, motivada por grandes modificações que seriam feitas na história do super-herói. 
Se interessou e quer saber mais sobre esse filme? Nós temos uma matéria inteira dedicada a ele, clique aqui e leia.

E por hoje é só, se você gostou dessa matéria clique e curta o nosso facebook, para que possamos escrever matérias ainda melhores no futuro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...