sábado, 25 de setembro de 2021

Everton seu idiota!

Everton, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce
Se em teu formoso céu, risonho e límpido
A imagem do cruzeiro resplandece


Terra adorada Entre outras mil És tu, Everton Ó pátria amada! Dos filhos deste solo és mãe gentil Pátria amada Everton!

Nenhum comentário:

Postar um comentário